Caldeirão Político Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020, 17h:34 | - A | + A

“Agora poderei falar mais à vontade”, diz Pinheiro sobre escândalo do paletó

Da Redação

Reprodução

Emanuel paletó

 

Em coletiva de imprensa concedida nesta quarta-feira (23), o prefeito de Cuiabá e candidato à reeleição, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou que pretende falar mais abertamente sobre o escândalo do paletó, episódio em que foi flagrado supostamente recebendo propina enquanto era deputado estadual de Mato Grosso. 

 

Pinheiro disse que até aqui evitou falar sobre o assunto por questões judiciais. “O processo corria em sigilo. Vou usar todos os meus argumentos e provas que tenho para mostrar a minha inocência em todo esse mar de lama que foi anunciado com a delação do ex-governador. Agora quebrou-se o sigilo e eu poderei falar mais à vontade, porque seu eu falasse antes eu poderia estar gerando prova contra mim mesmo”, afirmou. 

 

O prefeito alegou ainda que o dinheiro que aparece recebendo era fruto de uma dívida que o ex-chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa, Silvio César Corrêa, mantinha com o empresário Marco Polo de Freitas Pinheiro, irmão de Emanuel. O chefe do Executivo municipal ainda afirmou que apresentará provas testemunhais e materiais em breve. 

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet