icon clock h

Quinta-Feira, 04 de Março de 2021, 21h:34 | - A | + A

Bolsonaro diminui em 256 bilhões o auxílio emergencial

Da redação

 O presidente Jair Bolsonaro vai dar um auxílio emergencial bem menor do que fora concedido anteriormente, a se observar o texto aprovado no Senado, mesmo com a pandemia agora estando em ritmo e situação mais graves. Em 2020, o auxílio emergencial concedido pelo governo ultrapassou os 300 bilhões de reais e agora, no texto aprovado no Senado ficará limitado a um custo total de 44 bilhões. O valor da parcela não foi definido, mas existe a limitação de 44 bilhões para ser gasto. Traduzindo, Bolsonaro vai diminuir em 256 bilhões o auxílio emergencial para os trabalhadores. 

 

Além disso, no texto aprovado pelo Senado, mais uma vez, Estados e municípios ficarão proibidos de fazerem concurso público, contratações e concederem reajustes para os servidores.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS




Informe Publicitário






NEWSLETTER

Cadastre-se e fique por dentro dos últimos acontecimentos e relatos do pnbonline.