Caldeirão Político Segunda-Feira, 11 de Novembro de 2019, 14h:11 | - A | + A

GRAMPOLÂNDIA PANTANEIRA

Campos disse que aguarda os desdobramentos na vara criminal

A OAB/MT vai continuar acompanhando o caso que ficou conhecido como "Grampolândia Pantaneira" e seus desdobramentos na 7ª Vara Criminal, nas ações penais que apuram a responsabilidade civil. O inquérito é coordenado pela delegada Ana Cristina Feldmann. Quanto à denúncia do MP contra o ex-chefe do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco), promotor de Justiça Marco Aurélio de Castro, Leonardo Campos ressalta que é mais uma demonstração que a entidade estava certa.

 

"A denúncia contra o promotor de Justiça Marco Aurélio começa a reproduzir o que a OAB vinha denunciando, que havia ilegalidade cometida no âmbito do MP. Mas não podemos parar por aqui. É muito mais amplo. O Marco Aurélio é o primeiro passo para 'cortar na própria carne' que houve irregularidade. Nós vamos continuar cobrando. Já se começa a descortinar a verdadeira intenção e os principais atores e autores, mas ainda falta revelar quem foi grampeado, quem teve sigilo telefônico revelado para que essas pessoas possam exercer o seu direito de reparação", destacou o presidente da OAB/MT. 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet