Caldeirão Político Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019, 15h:08 | - A | + A

PESQUISA

Nazistas em Mato Grosso

Da Redação

Uma pesquisadora da Unicamp fez um levantamento sobre grupos nazistas ativos no Brasil e identificou um núcleo na cidade de Rondonópolis, sul de Mato Grosso. Os dados sobre esses grupos fazem parte de um levantamento ainda inédito feito pela antropóloga Adriana Abreu Magalhães Dias, que será lançado em livro em breve. Ela é pioneira nas pesquisas sobre a ascensão da extrema-direita nos anos 2000.

 

Além do grupo nazista de Rondonópolis, a pesquisa identificou outras 333 células nazistas no país, sendo que a grande maioria fica no sul e sudeste do Brasil. Em Mato Grosso, o de Rondonópolis foi o único identificado pela pesquisadora.

 

Não seria de espantar se houvesse a suspeita de uma outra célula em Nossa Senhora do Livramento, onde uma pesquisadora mato-grossense afirma que o próprio Hitler estabeleceu residência e morreu, após fugir da Alemanha na Segunda Guerra. Essa história é contada por Simoni Renée Guerreiro Dias no livro “Hitler no Brasil – Sua Vida e Sua Morte”, que aponta uma versão muito diferente daquelas dos livros de história sobre os últimos dias do nazista.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet