Caldeirão Político Sábado, 21 de Setembro de 2019, 09h:12 | - A | + A

Por dentro da CPI

Sessão secreta visava proteger políticos

Da Redação

A decisão de realizar a portas fechadas a sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a sonegação fiscal em Mato Grosso teve como intenção proteger políticos mato-grossenses. Três parlamentares votaram pela sessão secreta do depoimento do doleiro Lúcio Funaro: Dilmar Dal Bosco (DEM), Janaína Riva (MDB) e Nininho (PSD).

 

Janaína foi quem sugeriu a convocação de Funaro e estava entusiasmada com a possibilidade de ouvir que o doleiro incriminasse alguns dos seus adversários políticos. No entanto, quando percebeu que as declarações de Funaro poderiam respingar em si mesma, recuou. Janaína Riva se uniu a Nininho e Dilmar para que o depoimento - que já estava aprovado e o doleiro convocado - fosse secreta.

 

Uma das suspeitas é que Janaína quisesse proteger o sogro, o senador Wellington Fagundes e também o próprio pai, José Geraldo Riva, que teria feito negócios com Funaro. No rol de perguntas que seriam feitas a Funaro havia questionamento sobre o senador Wellington, mas a pergunta não foi feita, mesmo com a sessão secreta.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet