Caldeirão Político Sábado, 16 de Maio de 2020, 07h:46 | - A | + A

SEGURANÇA INCOMPETENTE

Versão de Bolsonaro queima a imagem de oficiais do Exército

Com G1

 

O presidente Bolsonaro e seus generais ministros expõem ao ridículo pelo menos cinco oficiais do Exército que compõem hoje os quadros do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). O descrédito do trabalho desses oficiais é a base da versão de que Bolsonaro queria trocar a segurança no Rio porque o trabalho era ruim e incompetente. O presidente insiste que  apenas referia-se ao profissionais do GSI. Versão que foi descartada pela exibição de novas informações nesta sexta-feira (15) no Jornal Nacional da Rede Globo:

 

O Jornal Nacional apurou com exclusividade que um ato do presidente Jair Bolsonaro põe em xeque a versão dele mesmo para o que disse na reunião ministerial. O presidente alega que as queixas que fez, ameaçando até demitir ministro, se referiam à segurança dele, da família e de amigos no Rio de Janeiro e à tentativa frustrada de substituir pessoas do setor.

 

O presidente mesmo disse que a segurança dele é responsabilidade do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). Mas uma apuração do JN mostra que, 28 dias antes da reunião, o presidente tinha promovido o responsável pela segurança, em vez de demiti-lo. E ainda promoveu, para o lugar dele, o número dois da diretoria.

 

E, mesmo no Rio de Janeiro, houve troca na chefia do escritório do GSI menos de dois meses antes da reunião ministerial.

 

Mesmo que esse argumento de defesa não prospere no inquérito aberto para investigar os atos do presidente o estrago já foi feito. Tal versão criada para criticar o que seria uma incompetência geral da sua segurança feita pelos militares lotados no GSI desmoralizou publicamente os oficiais que atuam hoje na segurança de Bolsonaro e de seus familiares. São oficiais militares com currículos de excelência. Confira a relação de oficiais do Exército que estão sendo queimados com essa versão criada pelo presidente da República e seus ministros militares:

 

General de Divisão Luiz Fernando Estorrilho Baganha

Secretário de Segurança e Coordenação Presidencial

 

Coronel Gustavo Suarez da Silva

Diretor de Segurança Presidencial

 

Coronel Fabiano Augusto Cunha da Silva

Diretor Adjunto do Departamento de Segurança

 

Coronel Danilo Silva Maia

Diretor do Departamento de Coordenação de Eventos, Viagens e Cerimonial

 

Tenente-Coronel Rodrigo Garcia Otto 

Chefe do Escritório do Rio de Janeiro do GSI

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet