icon clock h

Domingo, 18 de Abril de 2021, 09h:07 | - A | + A

O REI

Roberto Carlos completa 80 anos e planeja retorno aos palcos

Em entrevista, cantor defendeu a ciência e a vacina. Disse que tem saudades do público e que quer voltar a fazer shows em 2022.

Da Redação

Com Estadão Conteúdo

(Arquivo Rádio EBC)

roberto carlos show

 

Roberto Carlos, em um raro momento de sua carreira, resolveu falar. Com cerca de 70 perguntas enviadas por jornalistas do Brasil e do mundo, o cantor, que chega aos 80 anos nesta segunda-feira (19.04), respondeu a algumas delas. Sua agenda para 2022, se tudo correr bem com o ciclo da vacinação, é extensa e inclui uma turnê pelo México, o projeto do cruzeiro Emoções em Alto Mar, um show em sua terra natal Cachoeiro de Itapemirim (ES) e, em seguida, uma turnê pelos Estados Unidos.

 

Confira ao final da matéria uma coletânea de clássicos de Roberto Carlos

 

Sobre a condição de ainda ser considerado "um rei" na música popular brasileira, apesar de todas as críticas negativas dispensadas a ele sobretudo nos anos 80, diz: "Encaro como uma grande demonstração de carinho que recebo das pessoas que me chamam assim e que agradeço muito, muito." A respeito das críticas negativas, responde assim: "Se eu tivesse 17, 18 anos, estaria fazendo o mesmo tipo de música que faço hoje. Esse cara sou eu e Sereia são exemplos disso."

 

Vai mais a fundo e diz que não faria nada de diferente do que fez desde o início da vida artística e que a pandemia o fez sentir falta como nunca antes da energia de seu público em sua atribulada agenda de shows: "Sinto muita falta, sim. Sinto falta de tudo isso, do palco, das luzes, e principalmente da plateia, estar de frente ao público em contato direto com as pessoas, dos sorrisos, dos olhares e desse carinho e desse amor que eu recebo nesse momento que eu estou no palco. Sinto falta sim, mas isso vai passar e daqui a pouco a gente está de volta."

 

"Eu defendo, de verdade, a ciência. A ciência é que realmente pode orientar o povo, o que deve ser feito em relação a vacina, a importância da vacina"

Roberto fala mais de seus dias em quarentena: "Eu defendo, de verdade, a ciência. A ciência é que realmente pode orientar o povo, o que deve ser feito em relação a vacina, a importância da vacina. Defendo a vacina e tudo que alguém diz em nome da ciência. Me vacinei, estou mais tranquilo e agora estou para receber a segunda dose da vacina, mas estou mantendo os mesmos cuidados de sempre. E eu repito: a vacina é muito importante e todos devem se vacinar. VACINA SIM!!!", escreve ele, em letras maiúsculas. E fala com seus fãs em tom sério: "O que eu quero pedir é que levem a sério, que sigam rigorosamente as orientações das autoridades do setor de saúde. Usem máscaras, lavem as mãos, usem álcool em gel, mantenham o distanciamento social o máximo possível e tomem vacina. Isso com certeza vai ajudar muito a acabar com esse problema."

 

Seus 80 anos o trazem alguma limitação? Ele diz: "Eu sou aos 80 anos o mesmo de sempre e chegar aos 80 anos não me assusta porque isso vem acontecendo gradativamente. O importante é que eu me sinto bem e me sinto com menos idade do que a que tenho. Sou um cara com muitos sonhos aos 80 anos. O momento de aniversário é sempre um momento de muita reflexão, de se pensar muito na vida, no passado, no presente e no futuro.

 

Sobre seu Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), revelado nos anos 2000, ele diz que ainda não está curado: "Não, não estou curado totalmente do TOC. Na realidade do conjunto de coisas que tenho do TOC uma delas é a higienização, lavar as mãos, essa coisa toda e isso logicamente ficou mais rigoroso. Mas não estou curado do TOC totalmente não, ainda tem muita coisa, estou tentando, estou lutando." A respeito de novos projetos, ele comenta sobre o filme que será dirigido por Breno Silveira, mesmo diretor de Dois Filhos de Francisco, a partir de 2022: "Um filme sobre a minha vida dirigido por Breno Silveira começa a ser rodado no início de 2022 e contando tudo da minha vida, desde que nasci. Vamos contar tudo."

 

O velho amigo Erasmo Carlos também é lembrado por Roberto: "A minha amizade com Erasmo continua a mesma de sempre, Erasmo é meu grande irmão, meu parceiro em quase todas as canções que tenho feito até hoje, mas nós respeitamos muito as regras de distanciamento social. Vamos nos falar por telefone com o abraço de sempre e quando tudo isso passar a gente vai comemorar com um outro grande abraço."

 

Roberto diz que está compondo novas canções e que é fã do BBB. "Sou fã, assisto todos os dias, me divirto muito." Ele conta que vai comemorar o aniversário na próxima segunda "sem aglomerações" e que, entre suas maiores satisfações de hoje, estão "a saúde, o amor, a felicidade e as bênçãos do nosso Deus de bondade. Amém." O amor de sua vida, conta, ainda é Maria Rita, mulher que perdeu a luta para o câncer.

 

Adianta também de um dueto que gravou com a cantora Liah Soares para a próxima novela das 21h da TV Globo, Um Lugar ao Sol, e se despede com uma mensagem aos fãs: "Agradeço de coração esse presente maravilhoso que é esse carinho e esse amor que tenho recebido de todos sempre. Amo vocês. Abraços e beijo a todos. Muito obrigado por tudo e que Deus abençoe a todos"

VÍDEO

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS




Informe Publicitário






NEWSLETTER

Cadastre-se e fique por dentro dos últimos acontecimentos e relatos do pnbonline.