Polícia Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 11h:47 | - A | + A

SINOP

A mando de facção, menor infrator mata interno dentro de socioeducativo

Adolescente confessa que enforcou o menor com a ajuda de outro interno para ser ‘batizado’ dentro da facção criminosa.

Da redação

Com assessoria

Sesp-MT

Fachada do Case de Sinop.jpg

 

Um adolescente de 15 anos, interno do Centro de Atendimento Socioeducativo de Sinop (503 km de Cuiabá), morreu após uma briga com outros menores, na noite desta quarta-feira (27). Um interno, de 17 anos, confessou a autoria do crime e disse que precisou matar a vítima para ser "batizado" em uma facção criminosa.

 

Segundo informações divulgados pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), quatro adolescentes iniciaram uma briga no quarto por volta de 19h. Ao entrarem no quarto e verem o menor desacordado, os agentes chamaram rapidamente uma equipe do Corpo de Bombeiros da cidade, que confirmaram no local a morte do jovem.

 

O menor infrator que confessou o crime disse que teve a ajuda de outros internos. A morte, segundo relato do adolescente, teria sido encomendada “porque a vítima cometeu homicídio sem autorização da facção”. Ele disse ainda que seria “batizado” por essa mesma organização criminosa após cumprir a ordem.

 

A Polícia Judiciária Civil foi acionada para registrar a ocorrência e investigar o caso, assim como a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) para tomar os procedimentos necessários.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet