icon clock h

Sexta-Feira, 14 de Maio de 2021, 11h:11 | - A | + A

TOLERÂNCIA ZERO

Três são presos em operação de combate ao tráfico de drogas

As prisões foram realizadas em flagrante. Além disso foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão.

Da redação

Com assessoria

PJC

policia civil pjc.jpg

 

Três pessoas foram presas em flagrante e 10 mandados de busca e apreensão foram cumpridos durante a Operação Tolerância Zero realizada nesta quinta-feira (13), em Rondonópolis (218 km de Cuiabá). Diversas porções de drogas e quantias em dinheiro foram apreendidas durante a operação, que tem como foco o combate ao tráfico de drogas.

 

De acordo com as informações da Polícia Civil, uma das prisões em flagrante ocorreu no bairro Vila Canaã. Um dos alvos foi uma mulher de 26 anos investigada por atuar como gerente de uma organização criminosa e responsável por abastecer pontos do tráfico no bairro com pasta base de cocaína. Durante cumprimento de busca na residência, os policiais apreenderam R$ 1.086,00 em notas trocadas e uma máquina de cartão. Duas balanças de precisão foram localizadas escondidas em troncos secos, nos fundos da casa.

 

Em busca pessoal na suspeita, realizada por uma policial feminina, foi apreendida uma porção de pasta base de cocaína dentro de uma peça íntima. Após receber voz de prisão, a mulher foi autuada em flagrante por tráfico de drogas.

 

No mesmo bairro, as equipes policiais prenderam um homem de 29 anos, apontado em outras investigações também por atuar com o tráfico de entorpecentes. Durante cumprimento do mandado, os investigadores localizaram escondido na janela de um dos quartos, pedras de pasta base. Notas de diversos valores foram encontradas em uma bíblia e no armário da cozinha, além de documentos pessoais de terceiros, que podem ser de usuários que deixam como garantia de pagamento pela droga adquirida.

 

Tráfico na frente de crianças

 

Uma das prisões realizadas durante a operação foi de uma mulher de 44 anos, que traficava drogas na presença dos filhos menores de idade, no residencial Ana Carla. Ao ser abordada, ela negou que tivesse drogas na casa e rapidamente sentou-se por cima de uma sacola. Quando os policiais civis iniciaram as buscas no interior da casa, a suspeita ficou bastante nervosa e tentava a todo momento distrair a equipe.

 

Enquanto os investigadores faziam as buscas, a mulher disse aos filhos que drogas seriam encontradas, mas que as crianças deveriam ficar tranquilas, pois ela logo sairia da cadeia. Ao perguntar novamente sobre os entorpecentes, os policiais ouviram um dos filhos pedindo que a mãe entregasse logo o entorpecente que estava na sacola que ela escondeu.

 

Ela admitiu que estava vendendo o entorpecente há seis meses, aproximadamente. Os policiais localizaram ainda uma balança de precisão, filme plástico e uma faca com resquícios de droga. A suspeita foi autuada em flagrante por tráfico de drogas.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS




Informe Publicitário






NEWSLETTER

Cadastre-se e fique por dentro dos últimos acontecimentos e relatos do pnbonline.