Política Sexta-Feira, 08 de Novembro de 2019, 08h:06 | - A | + A

JULGAMENTO

Coronel é condenado e outros 4 militares absolvidos na "Grampolândia"

Julgamento militar durou dois dias. Coronel condenado também deve perder a patente.

Da Redação

zaqueu barbosa

 

O coronel Zaqueu Barbosa, ex-comandante da Polícia Militar de Mato Grosso, foi condenado a 8 anos de prisão pelo esquema de escutas clandestinas que ficou conhecido como Grampolândia Pantaneira. Outros quatro militares que também eram réus no processo foram absolvidos pela Justiça Militar. O julgamento durou dois dias e terminou na noite desta quinta-feira (07).

 

O juiz Marcos Faleiros determinou ainda que Zaqueu deve perder a patente de coronel. Pela decisão do Conselho de Sentença, foram absolvidos os coroneis Evandro Lesco, Ronelson Barros e o tenente coronel Januário Batista. O cabo Gerson Corrêa obteve o perdão judicial.

 

No primeiro dia de julgamento, o promotor de Justiça Allan Sidney do Ó Souza elencou detalhes da investigação e, ao final, pediu a condenação de três militares - Zaqueu, Lesco e Gerson - e a absolvição dos outros dois por entender que não havia comprovação da participação de ambos nas escutas clandestinas. No segundo dia, a defesa de cada um dos militares apresentou suas teses e argumentações pela absolvição de cada um deles.

 

O esquema de grampos ilegais teria começado em 2014 e funcionado até meados de 2015, mas só foi descoberto em maio de 2017. Os militares chegaram a ser presos na época, mas depois foram soltos e respondem em liberdade com o cumprimento de medidas cautelares.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

Copyright 2018 PNB ONLINE - Todos os direitos reservados. Logo Trinix Internet